Região artística de Darwin

Região artística de Darwin

A arte é um elemento central em Darwin, onde a região central de Parap está rapidamente se tornando um centro de galerias contemporâneas e aborígines.  Veja o futuro da arte de Darwin nesses empolgantes espaços artísticos, que exibem tanto artistas emergentes quanto consagrados. Conheça a arte aborígine de todo o Território Setentrional e veja obras contemporâneas de vanguarda, desde instalações de áudio até fotografias. Em seguida, confira as outras galerias de Darwin ou participe de um tour para descobrir o colorido da arte e do artesanato das ilhas Tiwi. 

A cinco minutos de carro do centro de Darwin, Parap é o lugar perfeito para começar sua jornada pelo rico e diversificado cenário artístico de Darwin.   A galeria contemporânea concentra seu foco em artistas aborígenes contemporâneos, que se valem de novas maneiras de contar suas lendas atemporais do Tempo de Sonhar.  Muitos também retratam questões sociais e políticas atuais.  Você verá as obras de outros artistas contemporâneos, com estilos que vão desde aquarelas oníricas até ousadas formas geométricas e esculturas pintadas à mão. 

Busque arte e artesanato do Território Setentrional com edições limitadas em outra galeria de Parap.  Ou testemunhe a fusão de criatividade e tecnologia em um espaço artístico de vanguarda que apresenta experimentos em áudio, vídeo, arte gerada por computador e fotografia.   Outra galeria reúne obras de comunidades remotas do Top End e do deserto australiano, oferecendo uma excelente visão geral das diferentes tradições artísticas nas diferentes regiões. 

Saiba mais sobre a arte, a cultura e o legado aborígine no Museu e Galeria de Arte do Território Setentrional, em Fannie Bay.  Suas várias exposições incluem o prêmio anual Telstra National Aboriginal and Torres
Strait Islander Art Award, onde 100 obras de arte de destaque são selecionadas. 

No centro de Darwin, as galerias de qualidade incluem uma das principais cooperativas de artistas aborígines da Austrália, bem como uma das maiores galerias privadas de arte aborígine do mundo.  Conheça obras cativantes do Top End e da remota região de Utopia, a nordeste de Alice Springs. O Supremo Tribunal do Território Setentrional também abriga um magnífico acervo de arte aborígine.  Aqui ficam as obras de Ronnie Tjampitjinpa, um nome de vanguarda do movimento artístico que emergiu em Alice Springs.  Muitas outras pinturas são um tributo às ricas cores das cordilheiras West MacDonnell. 

Visite a primeira galeria de arte de Darwin em Stuart Park, com dez salas repletas de arte e artesanato aborígine, como artigos de vidro, bijuterias e cerâmicas.   Em Casuarina, outro importante ateliê de Darwin exibe gravuras em edições limitadas e obras de aclamados artistas como os falecidos Queenie McKenzie, Rover Thomas e Prince of Wales.

Para explorar as artes mais a fundo, participe de um passeio pelas ilhas Tiwi, que fica a 20 minutos de avião ou a duas horas de balsa de Darwin.  Formadas pelas ilhas Bathurst e Melville, as ilhas Tiwi são conhecidas por sua arte e artesanato coloridos, diferentes da arte aborígine encontrada no região continental australiana.  Assista às demonstrações de tecelagem e pintura das mulheres Tiwi e conheça os centros de artes, onde cerâmica, entalhes, bijuterias e silk-screen são alguns dos estilos em exposição. 

O Parap Arts Precinct é apenas uma parte da rica cultura de artes visuais de Darwin.

Mais ideias australianas