Nas trilhas para caminhada pelos Alpes Australianos, Victoria, Nova Gales do Sul, Território Da Capital Australiana

Nas trilhas para caminhada pelos Alpes Australianos, Victoria, Nova Gales do Sul, Território Da Capital Australiana

650 km/até 50 dias/caminhada de um dia ou de vários dias

Cruze três estados, quatro parques nacionais e alguns dos mais elevados picos da Austrália nesta caminhada longa que requer uma boa resistência. A trilha estende-se por 650 quilômetros no topo dos Alpes australianos, de Walhalla em Victoria até Tharwa, logo ao sul de Canberra. Suba e desça pelo Baw Baw Plateau, pelo Monte Howitt, pelas Bogong High Plains e pelas Cobberras em Victoria. Atravesse a região montanhosa do Kosciuszko National Park em Nova Gales do Sul (New South Wales), e a região rochosa e selvagem do Namadgi National Park, próximo de Canberra. Monte a sua barraca de acampamento em meio à natureza selvagem, fique em um dos acampamentos da região, cabanas históricas ou resorts alpinos próximos da trilha. Faça caminhadas de um dia ou combine várias trilhas mais curtas, nas partes mais fáceis de cada trilha.  A trilha completa leva cerca de 50 a 60 dias e é recomendada exclusivamente aos viajantes mais intrépidos.

 

Mount Hotham, VIC
Mount Hotham, VIC

Seção 1: Walhalla ao Monte Hotham

A trilha começa (ou termina) na cidade de mineração de ouro de Walhalla, no Baw Baw National Park. Na cidade, é possível escolher entre as inúmeras trilhas de um dia ou de vários dias atravessando florestas densas, campos nevados e charnecas. Escale 1.100 metros até o topo do Monte Erica, observando a mudança da vegetação de acordo com a altitude. Podemos observar árvores fraxinus altas e imponentes no sopé da montanha, samambaias e murtas entrelaçadas e eucaliptos australianos na subida, e finalmente a vegetação alpina ao chegarmos em Baw Baw Plateau. Se quiser uma trilha mais desafiadora, você pode optar pela caminhada de quatro dias do Monte Howitt, passando pela área de Razor Viking até a Viking Saddle. Os nomes contam a história dessa região: Mt Buggery (Monte da Perversão), Mt Despair (Monte do Desespero), Horrible Gap (Garganta Terrível) e Terrible Hollow (Recôncavo Tenebroso).  Não tente seguir essa trilha sem estar muito bem preparado. A água é escassa e depois de Mt Despair, a trilha não é mais marcada. Uma caminhada mais suave pode levá-lo de Macalister Springs a Mount Howitt para vistas panorâmicas dos montes Buller, Stirling e Buffalo, e de Razor e Viking, incluindo os picos das Bogong High Plains.

Threadbo, NSW
Threadbo, NSW

Seção 2: Monte Hotham para Thredbo

Apertem seus cadarços para escalar as montanhas mais altas de Victoria, as Bogong High Plains. Siga os passos do antigo homem das florestas em uma caminhada histórica de meio dia até as cabanas de Wallace e Cope. Os boiadeiros construíram a Wallace Hut em 1889, e ela é considerada a mais antiga nas planícies elevadas. Siga de Hotham até o Monte Feathertop, caminhando por acima das árvores na dramática cordilheira de Razorback. Ou volte pelos implacáveis Montes Bogong – a maior montanha de Victoria – atravessando o riacho Mountain Creek. Suba pela floresta de eucaliptos vermelhos, descanse na Bivouac Hut e depois por eucaliptos australianos e vegetações alpinas na planície do topo. Seguindo um pouco mais, chegamos à pitoresca cidade de Omeo, que também é um ponto de partida popular para caminhadas ao longo da trilha. Suba ao topo das montanhas de granito em Monte Wills, passando por eucaliptos e campos de ervas em um espiral panorâmico de 6 km. Siga a trilha histórica Harrington de 20 km ao longo do Murray River, de Tom Groggin a Bunroy Station. Embrenhe-se por trilhas pelo mato do tranquilo retiro nas montanhas de Glen Wills, uma antiga cidade da época da corrida do ouro. Visite Pioneer Mine que era a maior mina de ouro aberta do estado entre 1859 e 1913. Ou faça uma das caminhadas mais curtas partindo de Taylor’s Crossing, ao longo das margens sombrias e Mitta Mitta River.

Namadgi National Park, ACT
Namadgi National Park, ACT

Seção 3: Thredbo até Canberra

Esta seção segue das montanhas imponentes e sem árvores de Main Range no Kosciuszko National Park. Ele inclui o Monte Kosciuszko, que com 2.228 metros, é o pico mais alto da Austrália. Suba o pico Charlotte Pass, encantando-se com lagos glaciais, flores silvestres e vistas suntuosas dos vales e cordilheiras abaixo. Você passará por vegetações alpinas raras e uma rica diversidade de fauna e flora. Pare entre Carruthers Peak e o Monte Twynam para admirar as cordilheiras cobertas pela floresta e avistar até o Monte Sentinel e o despenhadeiro Watsons Crags à distância.  Mais ao norte, próximo de Kiandra, antigo assentamento da época da corrida do ouro, você pode mergulhar na história percorrendo as trilhas Kiandra, Heritage e Gold Seekers. Ou volte pela rota cênica de 10 km até a Four Mile Hut. Ao norte de Kiandra, a trilha leva para a cordilheira Gurrangorambla e para as cavernas ocas de Cooleman Plain. Visite os Blue Waterholes e as dramáticas cachoeiras ao longo de Cave Creek. Outro ponto de partida popular para caminhadas de um dia ou com pernoite é o ponto mais ao norte da trilha, no Namadgi National Park. Suba 4 km até o monte Tennent para vistas panorâmicas de Canberra ao norte, as Brindabellas a oeste e os Alpes ao sul. De lá, é uma trilha de 9 km até o estacionamento de Booroomba Rocks ou 4 km até o acampamento Honeysuckle. Se estiver vindo pelo alto do Monte Tennent, do sul, lembre-se que a descida é longa e exaustiva.

Introdução à Trilha de Caminhada pelos Alpes Australianos

Introdução à Trilha de Caminhada pelos Alpes Australianos

Melhor época para caminhar:
De novembro a abril, quando os dias são mais quentes e mais longos.

Cidades grandes mais próximas:
Melbourne, Canberra e Sydney

Saiba mais:
Para se preparar para esta caminhada, visite Australian Alps National Parks (Parques Nacionais dos Alpes Australianos)

 

Mais ideias australianas