Época de baleia

Época de baleia

No inverno, assista às baleias jubarte surfando para o norte, passando por Byron Bay e Hervey Bay. Maravilhe-se com sua complexa comunicação acrobática e ouça a melancólica canção submarina dos machos em um hidrofone. Veja as lentas e pacíficas baleias francas deslizando para a costa ocidental da Austrália a partir de Geographe Bay, Dunsborough e Albany. Ou aviste essas criaturas ameaçadas de extinção – no passado, sua caçada quase as fez desaparecer do planeta – no santuário das baleias de Head of Bight ou de Victor Harbor, na Austrália do Sul. Veja seu acasalamento e o nascimento dos filhotes nas águas de Warrnambool, ou a chegada de baleias jubarte vindas das águas antárticas à pitoresca Great Oyster Bay, na Tasmânia. A partir do final de abril, as baleias francas fazem sua jornada para se reproduzirem nas águas temperadas próximo à Austrália do Sul e de Victoria. Enquanto isso, as energéticas baleias jubarte seguem para o norte até águas tropicais mais quentes, seguindo as costas oeste ou leste. O que significa que, entre maio e novembro, você pode ver esses majestosos mamíferos a partir de muitos pontos ao longo da costa australiana.

Whale-watching locais

Whale watching, WA

Oeste da Austrália

Veja baleias jubarte e baleias francas brincando em Flinders Bay, em Augusta, a partir dos primeiros dias de junho. Ou visite Dunsborough em setembro, quando as raras baleias azuis e seus filhotes se juntam a golfinhos-nariz-de-garrafa em Geographe Bay. Baleias francas, jubarte e pigmeias também nadam por essas águas verde-azuladas em sua graciosa migração para o norte. Aviste-as do farol Cape Naturaliste ou chegue mais perto, em um cruzeiro de observação de baleias. Mais ao sul, a costa escarpada de Albany cria outro espetáculo de lindas paisagens. Entre julho e outubro, veja o acasalamento e o nascimento de filhotes de baleias francas e jubarte nos vastos e verdes mares de King George Sound. Saiba sobre essas inteligentes criaturas no museu interativo da baleia em Albany que, há muitos anos, já foi uma estação baleeira.

Whale watching, SA

Austrália do Sul

Fique no alto dos íngremes penhascos ao redor de Encounter Bay, em Victor Harbor, e veja as baleias francas, ameaçadas de extinção, que vieram até aqui para se reproduzir entre maio e outubro. Ou pegue um cruzeiro do píer da ilha Granite para vê-las brincar com os filhotes em alto-mar, nas águas da Península Fleurieu. Em Ceduna, mais além na costa recortada da Austrália do Sul, você pode assistir, da praia ou da plataforma de observação, às baleias darem saltos mortais em câmera lenta. Com frequência, elas chegam a algumas centenas de metros dos imponentes penhascos de Bunda. Você também avistará leões marinhos australianos e grandes tubarões brancos. Para dar uma olhada mais de perto, pegue um barco e adentre as águas preservadas do santuário das baleias em Head of Bight.

Whale watching, VIC

Victoria

Visite Logans Beach, em Warrnambool, entre junho e setembro, quando baleias francas têm seus filhotes no viveiro próximo à costa. Elas ficam aqui por várias semanas, ajudando seus filhotes a criar força para a longa jornada de volta às águas subantárticas. Enquanto isso, os machos, filhotes de um ano e jovens adultos permanecem mais afastados, no mar. Capture a interação mágica entre mãe e filhote na plataforma de exibição nas dunas de areia. Ou visite Lady Bay, onde as jovens mães costumam chegar mais próximo, o suficiente para borrifar você com seu esguicho. Congratule-as em um cruzeiro de avistamento de baleias ou procure suas características cabeças brancas e calosas da janela de um avião leve. Em maio, talvez você consiga avistar as raras baleias azuis em seu último mês de busca de alimentos em Cape Nelson, próximo a Portland.

Whale watching, TAS

Tasmânia

A partir de maio, você pode ver baleias jubarte e baleias francas passando próximo à costa pelas águas límpidas e verde-azuladas de Great Oyster Bay, próximo à Península Freycinet. Faça um cruzeiro pela vida selvagem de Coles Bay e veja-as nadando pelo Mar da Tasmânia em antigas e instintivas rotas de migração. Com paisagens que incluem florestas, penhascos de granito rosa e secretas praias brancas, você pode ver por que as baleias francas costumam ficar aqui por períodos prolongados! Talvez você aviste algumas delas com filhotes em Mercury Passage, próximo à ilha Maria. Ou visite a linda e selvagem ilha Bruny, a um curto passeio de automóvel de Hobart. É aqui na Adventure Bay que os avistamentos são mais comuns.

Whale watching, NSW

Nova Gales do Sul (New South Wales)

Faça um cruzeiro partindo do icônico porto de Sydney em direção ao local em que, entre maio e novembro, as graciosas baleias jubarte percorrem a costa oeste. A partir da terra, o melhor ponto para observação de Sydney e The Gap, em South Head. Você verá as mesmas criaturas enormes e graciosas da partir de junho em Byron Bay. Observe a partir do farol de Cape Byron – as baleias brincam em uma faixa de cem metros a partir do ponto mais ocidental da Austrália. Ou ouça a canção melancólica da baleia jubarte macho no hidrofone de um barco de observação de baleias. Ao sul de Sydney, é quase certo que você avistará uma baleia nas calmas e límpidas águas do Parque Marítimo de Jervis Bay, que também é o lar de golfinhos-nariz-de-garrafa.

Whale watching, QLD

Queensland

Deixe-se respingar pela batida da cauda e pelo movimento peitoral da baleia jubarte em Hervey Bay, entre o final de julho e o começo de novembro. Essa é a capital australiana da observação da baleia, mas você também desfrutará uma magnífica vista de Point Lookout, na ilha North Stradboke, próximo a Brisbane. Faça um cruzeiro de Mooloolaba, em Sunshine Coast, ou da Costa de Ouro, onde os avistamentos começam 20 minutos depois que você deixa a costa. Para um encontro mais de perto, visite Port Douglas para encontrar-se na própria água com as baleias anãs Minke do norte da Grande Barreira de Corais. Você encontrará com essas criaturas inteligentes e brincalhonas ao mergulhar com tubo de respiração ao longo de linhas presas ao barco.

Whale-watching locais

Mais ideias australianas