Alternativas para mochileiros na Austrália

Alternativas para mochileiros na Austrália

Junte-se à brigada dos mochileiros nos recônditos urbanos mais modernos da Austrália. De Bondi Beach, em Sydney, até o Fortitude Valley, em Brisbane, esses são os lugares para onde os jovens e jovens de coração vêm durante suas aventuras australianas. Você encontrará albergues, vida noturna, lugares para comer e beber e um vibrante senso de comunidade. Impregne-se do charme histórico do litoral em Fremantle, Perth, ou vivencie a cultura alternativa de Melbourne, em Fitzroy. Compartilhe casos de viagem sob as palmeiras ao longo da Mitchell Street, em Darwin, ou na esplanada a beira-mar de Cairns. Explore as atrações de Adelaide do East End central e cheio de estilo, jante no Salamanca Place, em Hobart, ou mergulhe na vida noturna cheia de energia de Surfers Paradise.

Se você estiver em Sydney para desfrutar o estilo de vida praiano, provavelmente será atraído a Bondi, Coogee ou Manly. A apenas 30 minutos da cidade, a famosa praia de Bondi é o ponto central para mochileiros, ‘flashpackers’ e ‘fashionistas’. Há bares agitados, cafés boêmios e uma cena de compras nas ruelas da região. Venha para cá para participar da festa dos mochileiros na praia no dia de Natal, do festival de cinema Flickerfest em janeiro ou da corrida City to Surf, em agosto. Mais além na costa leste de Sydney fica Coogee, um paraíso litorâneo tanto para famílias como para viajantes. Nade no oceano calmo ou em banhos históricos e caminhe pelo impressionante caminho costeiro até Gordons Bay, onde você pode mergulhar com tubo de respiração ou tanque de oxigênio. Do outro lado do porto, a pitoresca península de Manly fica a apenas 30 minutos de balsa de Circular Quay. Surfe nas ondas do mar ou nade em piscinas oceânicas e nas praias do porto. Manly pega o pique após o entardecer, quando você pode caminhar pela areia entre as adegas, pubs praianos, lanchonetes onde você pode comer um hambúrguer e restaurantes ao ar livre.

Se quiser estar onde tudo acontece, experimente os vilarejos de Glebe, Newtown ou Kings Cross. A uma curta viagem de ônibus partindo da cidade, Glebe é o lar de uma comunidade diversificada de estudantes, acadêmicos, ativistas e partidários da nova-era. Junte-se a eles nos populares mercados de sábado, que vendem roupas antigas e feitas à mão e artigos de segunda mão. Ou perambule pelo principal trecho da Glebe Point Road, passando por lojas de produtos naturais, livrarias esotéricas, pubs amistosos e restaurantes étnicos baratos. O mix é semelhante em Newtown, ali próximo, com a exceção de que a King Street é muito mais comprida e tem butiques muito transadas e uma seleção quase inesgotável de restaurantes exóticos. Confira os bares gays e as modas anarquistas de rua. Se dormir não for uma prioridade, vá para Kings Cross, onde se concentra a maioria das casas noturnas de Sydney. A região adulta ligeiramente sórdida fica a uma virada de esquina da elegante e arborizada Potts Point e da orla marítima de Elizabeth Bay, com as delicatessen, cafeterias, adegas e restaurantes, varandas históricas e apartamentos art-deco.

Tudo é bem-vindo em Fitzroy, o coração da boemia de uma cidade que se orgulha de seu talento artístico. Este é o lugar para curtir um café da manhã que dura o dia todo ou comer um hambúrguer vegetariano, comprar moda reciclada, assistir apresentações de música ao vivo ou ficar estarrecido com a multidão eclética. Ao longo da principal artéria de Brunswick Street, garotas hippies bebericam café com leite ao lado de tipos corporativos e lojas de segunda-mão aninhadas ao lado de butiques de designers. Você encontrará galerias, mercados de arte, excelentes pubs gastronômicos e legiões de agitados pontos para você curtir a noite. O Melbourne Fringe Festival traz circo, cabarés, música, dança e comédia para cá em setembro e outubro. Dirija-se para a Gertrude Street, que fica ali perto, para comprar livros especializados, roupas da moda e conhecer inúmeros lugares onde você pode beber e comer. Ou descubra os restaurantes étnicos baratos e os restaurantes naturais ao longo das ruas Smith e Johnson. Johnston Street – o bairro espanhol de Melbourne – é repleto de bares de tapas e dança flamenca, além de ser onde acontece o festival hispânico-latino-americano, em novembro. Diversos bondes e ônibus percorrem o trajeto entre Fitzroy e a cidade.

Os jovens de idade e os jovens de coração se reúnem em St Kilda por sua vibrante paisagem urbana, confeitarias e vida noturna agitada. St Kilda tem uma elegância charmosa e desgastada – o resultado de ser um resort a beira-mar para os habitantes abastados de Melbourne nos anos 1940, e o ponto de encontro de uma multidão muito mais dilapidada nos anos 60 e 70. Junte-se aos habitantes locais que passeiam, caminham e pedalam ao longo do calçadão ou veleje, pratique windsurfe ou kiteboarding. Dê uma volta na antiga montanha-russa de madeira no Luna Park, com seu icônico rosto sorridente, que data de 1912. Jante na orla marítima ou em um restaurante na calçada ou ouça música ao vivo em um dos pubs ‘grunge’ que se tornaram instituições de Melbourne. Coma bolo em uma sedutora confeitaria europeia do velho mundo ao longo da Ackland Street ou mergulhe na vida noturna 24 horas por dia, sete dias por semana, da Fitzroy Street. Não perca o St Kilda Festival no final de janeiro – uma semana estonteante de música ao vivo e muita farra.

Provavelmente, Northbridge é o maior centro de mochileiros de Perth, com muitos albergues e lugares onde você agitar sem sair do seu orçamento. Experimente os sofisticados restaurantes próximos às ruas James, Lake e William. Leederville e Subiaco, nos arredores, também têm cafeterias, bares e restaurantes convidativos. Mais distante do CBD, mas mais charmoso, é o porto histórico de ‘Freo’ ou Fremantle. Com galerias de arte, uma história marítima fascinante e uma cena de música ao vivo movimentada, você não terá problemas para se divertir. Perambule pelas ruas históricas que, nos finais de semana, se alvoroçam com mercados e apresentações improvisadas de músicos e mágicos. Confira a animada Cappuccino Strip, jante frutos do mar frescos no Fishing Boat Harbour, visite as microcervejarias ou tome uma cerveja em um pub histórico. Se você for um autêntico amante das praias, preferirá ficar em um dos albergues ao longo da Cottesloe Beach. Passe seus dias nadando, mergulhando com tubo de respiração ou surfando antes de assistir ao pôr-do-sol no Oceano Índico em um pub de frente para o mar.

O Fortitude Valley – para os habitantes locais, simplesmente o Valley – é onde você encontrará o ritmo da vida noturna e a contracultura de Brisbane. Essas ruas que já foram cobertas de areia são repletas de lojas de moda, teatros, locais de música ao vivo, inúmeros lugares excelentes para comer, bem como pubs, casas noturnas e bares. A área foi renovada, mas retém sua comunidade culturalmente diversa e seu ar vibrante e boêmio. Saboreie um delicioso banquete em Chinatown, onde você pode fazer aulas de tai-chi aos domingos. Ou saia do centro comercial para descobrir ilhas de culinária grega e italiana. Faça compra nas butiques dos designers da moda ao longo das ruas Ann e Brunswick ou nos mercados de final de semana em Chinatown. Assista a filmes de arte no cinema da James Street e caminhe pelo calçadão flutuante até a cidade vizinha de New Farm. Você encontrará muitos albergues aqui e muitos resorts que oferecem preços especiais para mochileiros.

O agito dos mochileiros em Darwin fica na Mitchell Street – uma sequência de albergues, hotéis, bares, cafeterias e agências de turismo à sombra de palmeiras no centro compacto da cidade. A maior parte dos viajantes se concentra nesta área, lendo seus guias de viagem, fazendo suas reservas em excursões por Kakadu ou amainando o calor tropical com uma bebida gelada. Pegue um ônibus de traslado do aeroporto para chegar aonde tudo acontece em apenas 15 minutos. Quanto à vida noturna, você não precisa ir mais longe. Aqui há cinemas, salões de bilhar, pubs a céu aberto e restaurantes onde você pode conseguir uma refeição dentro do seu orçamento. Muitos dos funcionários são viajantes de longa permanência, o que dá um toque animado à atmosfera de acampamento de férias. Reserve seus passeios com uma das muitas operadoras daqui. Faça uma viagem de um dia para as ilhas Tiwi ou para o exuberante Litchfield National Park ou parta para uma aventura no Kakadu National Park. Há passeios de barco, caminhadas que se estendem por vários dias, passeios culturais aborígines, jornadas em veículos com tração nas quatro rodas e voos de helicóptero.

Partindo do cosmopolita East End, você está perto o suficiente para poder caminhar até a maior parte das atrações de Adelaide. Visite galerias, museus e elegantes prédios coloniais ao longo de North Terrace. Ou alugue uma bicicleta e pedale pelo Rymill Park e pelos Botanic Gardens (Jardins Botânicos), onde o festival de música internacional WOMAdeliade acontece a cada dois anos, em março. Esta região também oferece muitas opções para o jantar. Parta para as cafeterias cheios de estilo, adegas e restaurantes de Rundle Street ou conheça o banquete asiático fumegante de Gouger Street. Para obter produtos frescos, visite o Mercado Central, com sua atmosfera característica. Muitos visitantes também se hospedam no animado resort litorâneo de Glenelg – que fica a 25 minutos da cidade em um bonde antigo de 1929. Há inúmeros albergues aqui, muitos hotéis charmosos e um comércio frenético de lojas, cafeterias nas calçadas e entretenimento de verão. Aprenda a velejar, nade com golfinhos não domesticados, aviste focas em um cruzeiro para observação da vida selvagem e absorva o espetacular pôr-do-sol.

Você nunca vai ter que se preocupar em encontrar um lugar para comer ou beber em Cairns. Esta é uma cidade despudoradamente festiva, e as oito quadras que vão desde a esplanada na orla marítima até a McLeod Street formam o distrito social. Ao longo da esplanada, mochileiros agregam mais uma camada ao seu bronzeado, nadam na enorme lagoa de água salgada e discutem seus planos para a noite em um vários idiomas. Nesta faixa litorânea se alinham hotéis, restaurantes e bares sofisticados, enquanto as ruelas nos arredores estão repletas de estabelecimentos para bolsos mais limitados. Visite os diferentes bares com bilhar dos albergues, curta música ao vivo em uma cervejaria ou dance ao som dos DJs locais em um bar ou megacasa noturna. Você encontrará cafeterias para comer alguma coisa rápida e tomar grandes cafés da manhã, assim como uma variedade de restaurantes de todas as partes do globo. Também há inúmeras agências de viagens, para quando você quiser reservar sua excursão para a Grande Barreira de Corais, a floresta tropical Kuranda e Daintree, um Patrimônio da Humanidade.

Já tendo sido o ponto de encontro de marinheiros, baleeiros e trabalhadores, a adorável praça com chão de pedra de Salamanca Place é agora o lar de muitos albergues e lugares onde você pode comer e beber. Os depósitos georgianos foram reinventados como galerias, teatros, cafeterias, bares e restaurantes, com centelhas de vidro e cromo no arenito dos anos 1830. Conheça as obras dos artistas locais nos mercados agitados de sábado, tome café sob os guarda-sóis ou experimente uma caneca da cerveja da Tasmânia em um pub histórico. Assista ao show de uma banda local no Centro de Artes de Salamanca ou perambule pelas apresentações de rua dos quartetos de cordas. Na orla marítima, você encontrará outra região popular de restaurantes. Escolha um píer e jante frutos do mar frescos da Tasmânia ao som dos suaves sacudidas das velas nos mastros. Com uma curta corrida de táxi, você chega a North Hobart, outro ponto de encontro de jovens, com muitos bares com música ao vivo e restaurantes étnicos com preços acessíveis, especialmente na Elizabeth Street.

Com suas praias maravilhosas, seu estilo de vida nova era e sua música energética, Byron Bay é uma parada obrigatória para os que viajam pela costa leste da Austrália. As ondas épicas de Pass and Watego’s Beach vêm atraindo surfistas há anos, mas artistas, escritores, hippies e terapeutas também estão rumando para cá. Nade com golfinhos próximo a Main Beach ou serpenteie pela trilha de caminhada Cape Byron até o farol no ponto mais oriental da Austrália. Compare os grandes cafés da manhã nas muitas e excelentes cafeterias e misture-se com surfistas e modelos profissionais nos bares ao longo da Jonson Street. Os visitantes vindos e todas as partes convergem para Byron para a enorme festa de Reveillon de rua com dança e DJs. Byron também é um importante destino na cena do festival de música. O International Blues & Roots Music Festival toma conta da cidade durante a Páscoa e bandas famosas de todas as partes se reúnem na cidade para o Splendour in the Grass, em agosto. O Byron Bay Writers Festival, em julho, também atrai uma multidão.

Alternativas para mochileiros na Austrália

Mais ideias australianas